Notícias

PIRÂMIDE DE SÃO TOMÉ DAS LETRAS ESTÁ À VENDA

PONTO TURÍSTICO REFERÊNCIA DA CIDADE FOI TOMBADO COMO PATRIMÔNIO DO MUNICÍPIO, MAS PERTENCE A ÁREA PARTICULAR E PODE IR À VENDA

Conhecida por turistas do Brasil inteiro, a Pirâmide do Parque Antônio Rosa, no município de São Tomé das Letras, em Minas Gerais, é um bem tombado como patrimônio paisagístico local, porém, por estar localizada em uma região de domínio particular, a propriedade pode sim, ser vendida.

O fato causou uma enorme repercussão entre os moradores e turistas que frequentemente tem como destino a cidade de São Tomé das Letras, e têm a famosa Pirâmide como referência para registros fotográficos e ponto de encontro e lazer.

Construída há mais de 40 anos, o monumento pertence a uma pessoa do Estado de São Paulo, que na manhã da última quarta-feira, 3, anunciou a área onde o ponto turístico está situada à venda. A região tem cerca de cinco mil metros quadrados, e conta com 111 hectares pertencentes ao município.

Na manhã desta quinta-feira, moradores se manifestaram contra a venda do ponto turístico, pedindo a desapropriação do local por parte da prefeitura, que em 2018 tentou efetuar a compra da área, sem êxito.

Cheila Seixas, membro da Associação da Sociedade Civil de São Tomé das Letras afirmou que: “Em primeiro lugar, a pirâmide é um patrimônio público, digamos assim, embora ela seja de propriedade particular, ela está dentro de uma área tombada, uma área ambiental, então essa é a nossa grande surpresa, de se colocar à venda um ponto turístico da cidade. O que a gente espera é uma desapropriação por parte da prefeitura, que não significa que vai ser tomada do proprietário, mas que vá ser feita uma venda forçosa e que se essa venda representa a retomada, e que se tiver que ter alguma exploração ou algo, que isso seja revertido para a população e que não seja mais uma exploração capitalista, o que a gente espera é isso”.

O prefeito da cidade, Tomé Reis de Alvarenga, argumentou que a prefeitura  não vêm medindo esforços para negociar com o proprietário a compra do imóvel pelo Poder Público, mas sem sucesso, mesmo tendo ofertado cerca de R$1,2 milhão pela área. De acordo com a prefeitura, uma reunião está marcada para a próxima segunda-feira, a fim de discutirem o desfecho desta ação.

Fonte: G1 Sul de Minas

PIRÂMIDE DE SÃO TOMÉ DAS LETRAS ESTÁ À VENDA
Clique para Comentar

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MAIS LIDAS

To Top