Uma Páscoa mais cara em Portugal

Os produtos típicos consumidos na Páscoa não escaparão da escalada de preços. Do cabrito ao bacalhau e até à amêndoa, os aumentos variam entre 3,75% e 15%.

A guerra entre a Rússia e a Ucrânia aumentou os preços da energia e a seca, causando um aumento no custo de vários produtos. E o aumento dos preços está a atingir a carne utilizada em vários pratos típicos consumidos pelos portugueses nesta altura. “O preço do cabrito e do borrego, face ao ano anterior, aumentou cerca de 10%”, afirma Marinela Lourenço, presidente da Associação dos Comerciantes de Carne do Município de Lisboa e Outros, em declarações ao ECO, adiantando que os aumentos são ainda mais significativo noutros produtos consumidos diariamente pelos portugueses, como o frango, cujo preço subiu 60% face ao período homólogo, bem como a vitela e a carne de porco, que registaram aumentos de cerca de 30% face ao período homólogo 35%, respectivamente.

Este cenário é também delineado pela Elipec – Grupo de Produtores de Carne do Alentejo, que comercializa mais de 10.000 vacas, 14.000 ovinos e 5.000 caprinos de 120 produtores. “As carnes mais consumidas na Páscoa são o cabrito e o borrego, que têm nesta época, e no Natal, o grande pico de procura”, acrescentando que face à Páscoa do ano passado, o preço destas carnes “subiu cerca de 15%” .

READ  Letswork adquire Krow - Wamda, sediada em Portugal

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

DETRASDELANOTICIA.COM.DO PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
O Porta Voz