Horta, o herói de Portugal que provocou uma ‘guerra’ em Málaga

Ricardo Horta é o nome próprio que domina esta sexta-feira todas as capas de Portugal e parte das de Espanha. O português marcou o gol com o qual o time vizinho tirou um ponto de Villamarín contra a equipe de Luis Enrique.

A Espanha assumiu a liderança após um notável remate de Gavi, que gerou uma magnífica jogada. Lançou um passe para o espaço para Sarabia que, num magnífico primeiro toque, permitiu a Morata empurrar o primeiro golo para as redes portuguesas. Quando a Espanha estava a poucos minutos de certificar sua primeira vitória, o ex-jogador do Málaga, Ricardo Horta, certificou o empate. Numa jogada semelhante e no mesmo golo, Horta viu-se pronto para bater Unai Simón e não hesitou nem falhou.

Assim, as manchetes se repetem hoje na imprensa do país vizinho. “Horta, salvadora”, manchete em A Bola, “Horta, grande momento”, manchete no Récord e com “Horta mostra o que vale” abre O Jogo, o terceiro jornal português.

Precisamente, o seu valor é o que marca o seu futuro, que está a ser decidido neste momento entre o Benfica, clube interessado em contratá-lo, o Sporting de Braga, clube onde joga, e o Málaga, seu antigo clube. “Benfica? Estou focado na seleção e no futuro veremos”, assegurou o jogador do Benito Villamarín a uma pergunta da imprensa portuguesa para tentar diminuir a atenção sobre um assunto que ocupa espaço informativo do outro lado da fronteira.

Ricardo Horta acaba de se destacar com o Braga e o Benfica se interessou por ele fazendo uma oferta de 10 milhões de euros. Esta foi rejeitada pelo grupo em que Horta joga e o caso que leva o mesmo nome foi ‘solto’. Qual é o problema? Segundo Málaga, o clube da Costa del Sol ainda detém 67% dos direitos do jogador.

READ  As 30 Melhores Críticas De santidade Com Comparação Em

Assim, Horta foi protagonista em Portugal e também em Málaga algumas horas antes de marcar com a Espanha. Manolo Gaspar, diretor esportivo do Málaga, falou sobre a situação do futebolista no Récord apenas um dia antes de ocupar toda a largura de sua cobertura. “O Málaga tem 67% do passe do jogador. Também é verdade que existe um acordo e que Braga, se rejeitar uma oferta superior a cinco milhões, deve ficar com 67 por cento do Málaga”, assegurou o diretor desportivo malaguista, que exige que o contrato seja executado tal como foi assinado.

Neste momento, de Braga, defendem o direito de decidir sobre Ricardo Horta. “Braga é a única entidade que decide sobre os seus bens e tem o direito de não querer negociar por Ricardo Horta e não o vai fazer”, disse.

O jogador, enquanto o caso estiver a ser resolvido, continuará a apostar na seleção portuguesa. A equipa comandada por Cristiano Ronaldo tem ainda jogos pendentes frente à Suíça (5 de junho) e à República Checa em Portugal (9 de junho), bem como um jogo em casa frente à equipa suíça para fechar as quatro primeiras jornadas da Liga das Nações.

Escudo / Bandeira Málaga

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

DETRASDELANOTICIA.COM.DO PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
O Porta Voz